Justiça mantém prisão de acusado de atropelamento de casal

0

A justiça do Amapá manteve a prisão de um dos acusados de atropelar e arrastar a moto onde estavam o casal Raulian Paiva Frazão, 23 e a namorada dele, Tiely Alves Medeiros, 25. A jovem continua internada em estado grave.

A decisão pela prisão foi do desembargador Agostino Silvério, do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP). Ele negou habeas corpus e manteve preso o cabeleireiro Elber Nunes Zacheu, 28, que segundo a defesa dele, é réu primário e não estava dirigindo o veículo no momento em que as vítimas foram atingidas.

Segundo a decisão judicial, existem muitas provas a serem produzidas, principalmente sobre quem estava de fato dirigindo o veículo. Além de Elber Zacheu, está preso também o professor de educação física, Jhony de Souza Amoras, 31, que segundo a polícia dirigia o veículo. Os dois acusados continuam presos no Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen).

O desembargador Agostino Silvério alega que a prisão é necessária para evitar desordem pública e possíveis atos de vingança privada.

Comentários
Carregando...